terça-feira, 27 de outubro de 2015

12 Anos de Muita Sabedoria




3 placas de aluno destaque até aqui, parabéns, meu bonitão!


Vovó também ' namora ' netinho...






Abraçadinhos somos um...
Um menino lindo e inteligente
Haverá algo tão belo como o por do sol
Quando se tem um netinho lindo ao lado e dentro do coração?



Meu netinho... comparado à beleza do pÔr do sol...
Que contraste lindo!
Onde ele mora...
Meu coração lá está...



Último livro que lhe dei...

Ele não suporta... desde pequenino...  escreveu assim pra mim há tempos... mas, de vez em quando, vovó rouba alguma...


Seu bolo preferido...

Ele é diferente... é um sacrifício para tirar uma foto com ele... na sua festinha todos tivemos que enrolá-lo para poder tirar de supetão algumas... foi uma luta!
Cada neto é diferente assim como cada filho o é...
A vovó aproveitou bastante as festonas dele de 5 e 7 aninhos... fotografou muito... se fantasiou também... A festa do Hot Wheels foi linda! Já sua festa foi de Halloween... não faltou drácula, bruxa, piratas... caveiras... imaginem!
A foto maluca me ajudou na confecção da fantasia... pois ao menos com perucas e chapéus diversos a vovó saiu...
Ele veio de drácula, a mãe de bruxa e o pai somente de preto (e já achou demais)...
Criança tem cada ideia, não é mesmo?
Ele tem um comportamento de adolescente já, ganhou um computador (not)... como aparece na foto... e um walt-talk... a vovó lhe deu o que lhe resultou um largo sorrisão: um skate... como percebem, gosta de coisas de crianças maiores...
Ah! O bom de tudo é que adora estudar os astros... já encomendou-me um telescópio de Natal (já ganhou, pois o texto foi escrito noutro ano)... a vovó Noel vai se preparar... Seus livros são de medicina do corpo humano tanto de pessoas como de animais... quer ser cientista da medicina... quem sabe?
Quando eu lhe disse: -Você saiu ao papai, Leozinho... ele, prontamente, me respondeu: -Sai a você também, vovó!... Fiquei toda boba, é claro!
Até lá, que seja, no mínimo, um bom filho, bom neto e um bom rapaz... de caráter e todos ficaremos muito felizes...

Como é bom ser criança!

https://youtu.be/FTmBR9RP_2M?list=RDFTmBR9RP_2M

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Lendo Muito



Lugar de sonhos

(Anne Lieri)




Um livro é lugar de sonhos

Uma casa pra morar

Traz momentos bem risonhos

Encontro  de rio e mar.



Faz voar o aprisionado

Faz a gente imaginar

Pés no chão ao avoado

Coração faz disparar.




São histórias divertidas,

Outras que fazem pensar,

Fantasias desmedidas,

Romances pra se amar.



Os livros são companheiros

Fazem a revolução

Unem o mundo inteiro

Num pensamento e ação.






Deixemos livros abertos

Páginas a descobrir

Quem tem coração deserto

Por certo irá colorir!







Leia só um bocadinho

E vai ver que gostosura!

Leia para seu filhinho,

É um gesto de ternura!







Ler é como viajar

Asas da imaginação

É como estar num lugar

Só com o teu coração!






Ler é ser um personagem

Dom Quixote ou princesinha

É fazer uma viagem

Bem no meio das letrinhas.





É estar no polo Norte

Ser pinguim, leão marinho...

Achar um trevo da sorte

Ser valente menininho!




Leia para uma criança

Ou leia para seus pais...

Quem lê o seu sonho alcança

E faz da vida bem mais!




http://menina-voadora.blogspot.com.br/



-Vovó, conta historinha, conta!

-Vovó, conta historinha? Meu olhinho tá fechando, vovó!

-Me segura que to com soninho, vovó...

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Infância Feliz



"Os contos de fada não dizem às crianças que dragões existem. Crianças já sabem que dragões existem. Contos de fada dizem às crianças que dragões podem ser derrotados."
(Gilbert Keith Chesterton)







Quer saber como é o coração de Deus? 
Empurre uma criança num balanço, 
porque Deus tem um coração de criança." 
(Rubem Alves)




-Vamos no balancinho, vovó... fazer "vumvum"...





"- Vovó, eu queio fica aqui pa sempi."...




-VOVÓ, EU QUEIO QUE VOCÊ FICA AQUI PRA SEMPRE!





"- Vovó, eu quero que você more aqui pra sempre na minha casa"...

"- Vovó, eu juro, eu prometo... que nunca vou fazer nenhum mal pra você"...

"- Vovó, minha lindinha!"

"- Agora eu tenho uma vovó p'ra cuidar de mim"...














Netinho caçula no celular:
- Vem, vovó!
Eu respondo: 
- Vovó tá indo!
Não escuto nada dele...
O pai pega o telefone e me diz:
- Vó, ele tá aqui balançando a cabeça... dizendo que SIM... todo animado que você tá chegando... pensa que você tá vendo ele balançar a cabeça no celular...
Criança é inocente mesmo!







-"Vovó, eu não queria ter outra vovó... Eu quero você"...
-"Eu sou a alegria da sua vida, né, vovó?"












Na primeira pipa, dada pela bisa... fiquei tão feliz que disse pra vovó:
-Vovó, valeu a pena você demorar tanto pra vir (só tinha 15 dias que não nos víamos, rs...)... a-do-rei...



Foto que netinho do meio tirou para brincar...


Visita à Fantasia

Como ser feliz, uma criança sem amor?
Ao menos um dos pais tem que amá-los,
Intensamente pelos dois, talvez.
Sorte de quem tem os dois amando-os,
O sorrisinho puro brota do coração amado.

O amor às crianças
Vai além de roupas bem cuidadas,
Última geração em roupinhas de grife,
Impecável no corpo e tolhida na alma infantil.
Tristeza no coração,
Sonho reprimido,
Afeto não sentido.

Amor às crianças provoca sorriso na alma,
Um misto de ternura e encantamento,
Um acolher a mão e o coração
Num ilimitado AMOR de vó para netinho.
Todo especial e meigo,
Diferenciado,
Especial...

Dar o que talvez não tenhamos recebido
Contrariando a máxima de que se dá o que se recebe.
O amor é imprevisível,
Exuberante,
Abrangedor,
Eloquente por si só.

O amor é cheio de magia e mistério,
Contentamento com pouco
Ou quase nada.
Pode ser um aviãozinho ou barquinho de papel tão somente,
Qualquer caixinha serve.
O importante é o coração cheio de afeto...

Amar às crianças ao nosso redor,
Os que DEUS brindou-nos com tanto AMOR.
Ele que só pode dar o que é,
O que tem dentro do seu Bondoso coração.

A pureza do coração de uma criança ninguém pode roubar,
Ela permanece através do tempo
Mesmo diante de tanto percalço imprevisível e aterrador.

O coração infantil amado,
Enternece-se e é notado
Pelo carinho que recebe tão espontânea,
Delicadamente...

Criança feliz estuda, brinca,
Dá espaço à sua imaginação,
Experimenta, conhece,
Cheia de graça e sabedoria cresce.

Quer melhor do que abraço acolhedor de vó?
Desemburra qualquer menininho arisco e quieto.
Descansar nos braços da vó
Que tanto ama como aquece
Pois feita de mel e açúcar ela permanece.
Boquinha de guloseimas dadas pela vó querida
Colinho para os olhos que adormecem.
Quanto carinho!
Viva a fase mimosa que não perece!

Orgulho da vó
Que deixa livre de roupinhas e de pressão.
Tudo pode na casa da vovó,
Tem amor e carinho
E...
Nunca falta uma prece.


 (Roselia Bezerra)